Terceira guerra mundial

13:15


Tenho sentido um aperto no peito, uma dor diferente, como se a saudade estivesse corroendo o meu coração. Chega até a pesar sob o meu pulmão, me fazendo sentir sufocada. Além das inúmeras coisas que eu ainda tenho a te dizer e que tá presa aqui dentro. Mas a pior parte é o orgulho, ah! Esse é o sentimento mais valorizado nos últimos tempos, coisa que eu respeito bastante (afinal nada pior que uma pessoa sem amor próprio, correndo atrás de qualquer babaca que aparecer). Porém, vendo por outro ângulo, é o inimigo número um pra quem ama, erra e não assume. Agora imagina a guerra que tá acontecendo aqui dentro, os sentimentos estão morrendo, desistindo, adormecendo e eu não quero ficar com o meu coração oco. Não quero um coração que bombeie sangue mas não bombeie sentimentos. Não me quero incompleta, insensível. Devolve o pedaço de mim que ficou com você. Devolve a minha paz, a minha alegria, traz de volta você. 
Com amor,
Julieta Capuleto.

*Este texto já foi postado no blog Amanda Domenico*

Você também pode gostar

0 comentários