Diário da Julieta

17:36



Me levanto pela manhã e dou de cara com isso! Logo eu, que sempre odiei receber mensagem logo cedo, principalmente uma tão amarga. Não vou responder! Deixa eu tomar um banho de paciência antes. 
O pior é que as vezes eu sou grossa sem perceber, quando vejo, já foi, já era e também não vou atrás. Ah, ora essas! O que custa ter um pouco de paciência pra aceitar o meu jeito expansivo? Avisei desde o começo, o meu jeito é em primeiro lugar, em segundo vem minhas neuras e em terceiro fica a possibilidade de ocupação por alguém que me aceite. Isso é pedir muito? Acredito que não. Pedir muito é pedir pra que entendam porquê amo brigadeiro mas sempre faço ganache ou que me deem uma explicação por eu precisar de tanto carinho mas odiar quem faz tudo pra ser o centro das atenções. Eu nem peço pra ficar comigo no sábado a noite, a chuva cai, o frio bate na janela mas eu não ligo pra pedir companhia, se quiser que venha, será muito bem vindo mas a curtição com os amigos sempre foi liberada. Porém, que não me impeça de ir badalar no resto do fim de semana, nem no próximo, nem no próximo... A única vez que fiquei de mimimi pra alguém cuidar de mim fui alvo de um ódio tão, mais tão gratuito que nem quando tô doente dou o braço a torcer, me cuido sozinha ou viajo 156 km até a casa dos meus pais. Posso até ser cabeça dura, mas é melhor do que ter o coração mole. 


Texto em parceria com Mayra Kelly

Você também pode gostar

0 comentários